Uncategorized

Barriga Negativa: alimentos que ajudam a secar as gordurinhas localizadas. Confira!

Escrito por  | 

Quem mora no Sul do país sofre com o  vilão da boa forma: o inverno rigoroso. O clima frio altera as rotinas de treino, aumenta a ingestão de alimentos calóricos e é normal ganhar quilinhos. Alguns alimentos podem te ajudar a eliminar as gordurinhas da barriga e ficar em forma para o verão. Reveja sua rotina e inclua eles na sua alimentação, transformando a refeição na sua aliada no combate à balança. Claro que não existe milagre: alimentação correta combinada com exercícios físicos é o “segredo” da boa forma.

barriga_negativa

* Abacate: apesar do alto nível calórico, a fruta é fonte de gordura monoinsaturada, que ajuda a diminuir o acúmulo de células gordurosas no abdômen. Fica uma deliciosa vitamina quando batido com leite de amêndoas.

* Chia: essa semenete mexicana é rica em Ômega 3, fonte de fibras e proteína. Ajuda a acelerar o metabolismo e facilita a queima de gordura na região da barriga. Para preparar você deve hidratar a semente por 40 minutos, até se transformar em um gel. Misture suco de uva sem açúcar e ficará parecido com sagú. Pode comer essa combinação todos os dias.

* Vinagre de Maçã: O vinagre tem ácido acético, que diminui a fome e evita picos de insulina, reduzindo o risco de o organismo acumular gordura. Consuma diariamente 2 colheres de chá diluídas em 1 copo de água antes do almoço e jantar.

* Pimenta Vermelha: o recomendado é consumir até 3 gramas por dia, a mesma substância responsável pelo sabor picante ajuda a acelerar o metabolismo e tem ação termogênica.

* Frutas Vermelhas: morango, jabuticaba, uva, cereja, amora e açaí são ricas em antocianina, que tem função antioxidante, ajudando na queima de gorduras. Consuma 2 colheres por dia, de preferência frescas.

* Gengibre: Coma um pedaço de 2 cm cru, refogado ou em forma de chá, três vezes ao dia. Ele é rico em gingerol, que acelera o metabolismo e a queima de energia.

* Iogurte: os probióticos contribuem para o bom funcionamento do intestino, e o cálcio interfere nas células de gordura diminuindo o volume dentro delas. Consuma até 2 porções por dia e prefira versões desnatadas e sem açúcar

Fonte: Aline Gomiero

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *