Pet Friendly

Levando seu pet para Punta

Escrito por  | 

Frequentemente eu levo meus pets para Punta del Este. Muita gente ainda tem dúvidas sobre esse tema, então vou explicar um pouco como funciona o processo.

Eu já fiz um post sobre o tema aqui no blog, mas atualizei e aqui eu trago novas informações sobre os procedimentos necessários!

Como levar os pets para Punta del Este

 

Screenshot 2017-03-02 22.50.59

Certificado Veterinário Internacional para trânsito de cães e gatos

Há diversas exigências específicas para levar seu pet para fora do Brasil. Para países do Mercosul, que é o caso do Uruguai, as exigências são: 

a) Atestado de Saúde 

Este documento, emitido pelo veterinário do pet, declara que seu animal está em dia com a saúde e apto à transferência ao país de destino.

Algumas coisas importantes que vale destacar:
– Quinze dias antes da viagem, seu animal precisa ser submetido a um tratamento amplo contra parasitas internos e externos;
– A partir de abril de 2017, para que seu pet possa entrar no Uruguai, é necessário que ele seja submetido a teste sorológico para Leishmaniose dentro de 60 dias prévios ao embarque.


b) Carteira de Vacinação

Este documento é exigido para animais com mais de três meses de vida. Ele comprova que o pet fez as vacinas necessárias para a viagem, dentro dos prazos especificados.

Algumas informações importantes:
– Para animais com mais de 90 dias de idade, é exigido que a vacinação antirrábica (raiva) tenha sido realizada e encontra-se dentro do período de validade;
– No caso de animais primovacinados, a viagem somente será autorizada após transcorridos 21 dias da aplicação da vacina contra raiva.
– Para animais com menos de 3 meses não é exigida Carteira de Vacinação;

– Os animais com menos de 3 meses de vida poderão transitar para países do Mercosul quando for comprovado à autoridade veterinária: i) que a idade do animal é menor de 90 dias; e ii) que o animal não esteve em nenhuma propriedade onde tenha ocorrido caso de raiva urbana nos últimos 90 dias, tendo como base a declaração do proprietário e/ou as informações epidemiológicas oficiais.

Nesta lista disponibilizada pelo Ministério da Agricultura é possível verificar todos os requisitos exigidos pelos países pertencentes ao Mercosul.



Quando tu estiveres com toda a documentação ok (atestado + carteira de vacinação), é necessário agendar uma perícia no Ministério da Agricultura, que fica dentro do Aeroporto Salgado Filho. O agendamento se dá pelo telefone (51) 3371-4515. O Ministério da Agricultura é quem emite o Certificado Veterinário Internacional (CVI), uma autorização para que seu pet possa entrar no Uruguai. Essa documentação tem durabilidade de dois meses a partir da data da sua emissão e não tem custo.

Caso você fique mais de dois meses longe do Brasil, na hora de voltar, deverá procurar as autoridades veterinárias do país de origem para obter um Certificado Veterinário Internacional (CVI), ou documento equivalente, que ateste o atendimento às exigências sanitárias brasileiras.

Dessa forma, teu bichinho pode viajar feliz da vida contigo! Mas tenham muita atenção e confiram bem se o atestado está com as datas corretas! Se não estiver, o Ministério não emite o documento!

Outra coisa importante: fique atento aos prazos e não deixe estas burocracias para a última hora.

 

Screenshot 2017-03-02 22.56.31

Mais informações podem ser obtidas no site do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Para viajar dentro do Mercosul, apenas o Certificado Veterinário Internacional é suficiente. Lembrando que ele deve ser emitido para cada viagem do bichinho. Porém, outros países exigem o Passaporte de Trânsito para Cães e Gatos.

O Passaporte para Trânsito de Cães e Gatos será concedido para animais que atendam aos seguintes requisitos:
I – sejam nascidos há pelo menos 90 dias;
II – sejam nascidos no Brasil, ou nascidos no exterior e importados definitivamente para o Brasil;
III – sejam criados por proprietários residentes no Brasil e IV – tenham sido examinados por Médico Veterinário inscrito no CRMV-UF, que ateste a boa saúde dos animais.

O proprietário deve imprimir e preencher o Requerimento para Concessão de Passaporte para Cães e Gatos e comparecer a uma Unidade do Sistema VIGIAGRO habilitada para a emissão do Passaporte portando as vias originais e cópias de alguns documentos. Todas as informações podem ser acessadas neste arquivo do Ministério da Agricultura.

O prazo de emissão do passaporte é de 30 dias úteis a partir do momento da apresentação do requerimento à Unidade do Mapa, mas o documento é válido para toda a vida do animal.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *