Por aí

Filmes para o feriado

Escrito por  | 

Quem é do bloco “unidos do cinema” deve estar animado com as estreias desse mês. Bora conferir alguns baita filmes que podem ser vistos nos próximos dias?

The Post



Ben Bradlee e Kat Graham, editores do The Washington Post, recebem um enorme estudo detalhado sobre o controverso papel dos Estados Unidos na Guerra do Vietnã e enfrentam de tudo para publicar os bombásticos documentos. Dirigido por Steven Spielberg, com Meryl Streep e Tom Hanks.  

 

A forma da água

Década de 60. Em meio aos grandes conflitos políticos e bélicos e as grandes transformações sociais ocorridas nos Estados Unidos, Elisa, zeladora em um laboratório experimental secreto do governo, conhece e se afeiçoa a uma criatura fantástica mantida presa no local. Para elaborar um arriscado plano de fuga, ela recorre a um vizinho e à colega de trabalho Zelda. Dirigido por Guillermo del Toro.

 

O que faz mais forte


A história real de Jeff Bauman, uma das vítimas do ataque da Maratona de Boston, em 2013. Esperando por sua ex-namorada Erin na linha de chegada, ele perde as duas pernas quando a explosão ocorre. Depois de recuperar a consciência no hospital, Jeff ajuda a polícia a identificar um dos criminosos, mas sua própria batalha está apenas começando. O longa retrata meses de reabilitação física e emocional com o apoio inabalável de Erin e sua família. Um relato profundamente pessoal e uma jornada de coragem interior para superar adversidades devastadoras. Com Jake Gyllenhaal.

 

 

Me chame pelo seu nome


Verão de 1983, norte da Itália. Elio Perlman, um jovem ítalo-americano de 17 anos, passa seus dias na vila de sua família, um antigo casarão do século XVII. Seus dias são repletos de composições ao piano e flertes com sua amiga Marzia. Um dia, Oliver, um charmoso homem de 24 anos, chega para ajudar o pai de Elio em sua pesquisa sobre cultura greco-romana. Sob o sol do verão italiano, Elio e Oliver descobrem a beleza do despertar de novos desejos que irão mudar as suas vidas para sempre. Exibido no Sundance Film Festival e na mostra Panorama do Festival de Berlim, 2017.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *