Colunistas

Sensibilidade dentária

Escrito por  | 

Mais uma coluna da Maria Paula Coltro, nossa expert em odontologia estética! O assunto da vez é sensibilidade dentária, problema que afeta muitas pessoas. Olha só:

________________________________________________________________________

 

Sensibilidade dentária

A sensibilidade dentária é causada pela exposição dos túbulos dentinários, que pode ocorrer por vários motivos. O mais comum de ocorrer é a exposição dos túbulos na região cervical (colo do dente, próximo à raiz), onde há menor proteção da camada de esmalte dentário. Como a raiz não está coberta pelo esmalte, milhares de canalículos, que vão do centro do dente e levam o feixe nervoso da polpa até a superfície, ficam expostos e acusam a dor. Estímulos como frio ou calor podem exacerbar essa sensibilidade.

 

Por que ocorre a sensibilidade dentária?

Alguns fatores exacerbam essa exposição dentinária, aumentando a possibilidade de sensibilidade. São eles:

  • Escovação com força excessiva: a escovação deve ser feita suavemente e em movimentos circulares. A frequência determinará uma melhora da higiene, não a força aplicada;
  • Cremes dentais clareadores: muitos cremes dentais com efeito clareador têm suas partículas mais agressivas, fazendo com que haja um desgaste dos dentes para deixá-los mais claros, causando dessa forma um aumento da sensibilidade;
  • Bruxismo: o desgaste dos dentes é um dos principais vilões para a sensibilidade. Quando ocorre o contato muito forte dente a dente, a força se dissipa ao longo do eixo do dente, fazendo que na região cervical (colo do dente, onde há menor espessamento do esmalte) haja uma quebra destes cristais de esmalte mais sensíveis e exposição da dentina (que pode ser chamado nesse caso de abfração). Trincas também podem estar relacionadas com bruxismo e sensibilidade;
  • Movimentação ortodôntica: durante ou após a movimentação ortodôntica pode ocorrer um aumento da sensibilidade dentária;
  • Clareamento dentário: a ação do gel clareador pode causar sensibilidade dental transitória durante o tratamento;
  • Dieta ácida: o consumo de alimentos e bebidas ácidas pode danificar o esmalte dentário.

 

O que posso fazer para melhorar a sensibilidade dos meus dentes?

Existem alguns cuidados e tratamentos para pacientes com sensibilidade dentária. O que vai determinar o tipo de tratamento é o nível de incômodo do paciente. O essencial para todos os casos é diminuir a força na escovação e o consumo de alimentos e bebidas ácidas, assim como manter consultas periódicas com seu dentista para diagnosticar e tratar brevemente fatores que possam exacerbar a sensibilidade. Tratamentos complementares podem ser associados à sensibilidade, como:

  • Uso de cremes dentais para sensibilidade;
  • Uso de bochechos com flúor diário prescrito pelo cirurgião-dentista;
  • Uso de protetores oclusais como placa de bruxismo;
  • Aplicação de laserterapia para sensibilidade dentária.

 

Ficou interessado no assunto? Marque uma consulta com a Dra. Maria Paula Coltro.

ONDE ENCONTRAR A MARIA PAULA COLTRO:

Trend 24
Rua 24 de outubro 1440 sala 1406
(51)3276-1177

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *