Beauty

Carlos Eduardo Tagliari: Lipoescultura Corporal

Escrito por  | 

A Lipoaspiração ocupa hoje o segundo lugar entre as cirurgias plásticas mais realizadas no Brasil, atrás apenas da cirurgia de Prótese de Mama. Quando realizamos lipoaspiração associado a enxerto de gordura aspirada e tratada para definição corporal, definimos a Lipoescultura.
lipoescultura_2

Essa cirurgia traz belíssimos resultados, desde que respeitadas algumas regras de segurança.

Nosso corpo possui duas camadas de gordura – superficial e profunda – divididas por uma fáscia (uma espécie de membrana). Especialmente no abdome essa divisão é bem evidente.  A gordura profunda pode ser aspirada com maior intensidade. Já a gordura superficial precisa ser cuidadosamente diminuída, pois é nela que resulta a maior parte das queixas com relação ao resultado estético de uma lipoaspiração. Se “agredida” em excesso, deixará marcas como fibrose, manchas na pele, marcas de cânula e aspecto envelhecido do abdome.

gordura

Camadas de gordura

Essa é uma cirurgia muito procurada nos meses de inverno, pois necessita maior tempo para que o corpo absorva todo o inchaço e a pele retraia, revelando o novo contorno corporal. Esse período geralmente leva entre 2 a 3 meses e, como ficam equimoses pelo corpo, a paciente não pode expor-se ao sol.

O uso da malha modeladora ajuda a diminuir esse inchaço e a deixar a paciente mais confortável no dia-a-dia.

Modelador

Malha modeladora. Foto divulgação

Um ponto muito importante, no pós-operatório, é a Drenagem Linfática. Costumo indicar o início das sessões com 3 a 5 dias de pós-operatório, em torno de 3 sessões por semana.

Uma dúvida muito frequente é com relação ao uso de placas abdominais rígidas no pós-operatório. Eu indico quando a paciente permanece muito tempo sentada e/ou com modelador dobrado, o que pode marcar o abdome. Assim como calças apertadas podem ter esse efeito.

placa abdominal rígida

Placa Abdominal Rígida. Foto divulgação

 

Saúde e segurança

A Lipoescultura é um procedimento seguro. Deve ser sempre realizada por um Cirurgião Plástico, em ambiente hospitalar. A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica definiu diretrizes para a maior segurança neste procedimento, como a quantidade de áreas corporais que podem ser lipoaspiradas num mesmo tempo cirúrgico e, principalmente, o limite de até 7% do peso corporal ideal de gordura aspirada.

Geralmente, costumo dar uma orientação especial às minhas pacientes sobre a lipoaspiração da parte interna das coxas e da “bananinha” de gordura abaixo dos glúteos, na parte posterior das coxas. Essas regiões apresentam uma retração de pele deficiente e uma lipoaspiração pode ocasionar flacidez de pele nas coxas e uma sensação de “queda” do glúteo.

Hoje, com certeza, a Lipoaspiração é mais uma técnica cirúrgica que podemos utilizar para termos um corpo bonito e definido.

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *